Central Farma

Fechar

Buscar

Pressione ¨OK¨ para buscar

Ref.
5281(55797)

Quarteto mágico 90 cáps - Suplemento alimentar contendo Magnésio Dimalato, Coenzima q10, L-Carnitina e D- Ribose

Avaliações

De: R$ 98,83Por: R$ 94,90ou X de

Economia de R$ 3,93

Comprar
Acumule R$
Pontos Fidelidade:
de bônus para próxima compra!
  • Descrição
    O Quarteto Mágico é um produto que inclui Magnésio dimalato, coenzima q10, L-carnitina e D- Ribose. Trata-se de nutrientes extremamente importantes para a manutenção da saúde do corpo e da mente, auxiliam no aumento da resistência física, prevenção de doenças crônicas não transmissíveis, beneficiam a saúde cardiovascular e imunológica. Conheça melhor os beneficios!

    O que é o Magnésio Dimalato (Magnésio + Ácido Málico)?


    O Magnésio é um micronutriente essencial que participa de mais de 300 reações enzimáticas no organismo e apresenta papel chave na IMUNIDADE, e diversas funções biológicas. Está envolvido no metabolismo de lipídeos, ácidos nucléicos, carboidratos e proteínas e encontra-se presente nos rins, sistema nervoso central, fígado, tireóide, musculatura esquelética, lisa e cardíaca. Na forma de magnésio dimalato, por estar associado a um composto orgânico, sua absorção e aproveitamento pelo organismo são otimizados.

    Importância do magnésio para a manutenção da saúde:

    • Está diretamente envolvido em respostas imunológicas inatas, com as quais o indivíduo já nasce;

    • Está diretamente envolvido em respostas imunológicas adaptativas, que são desenvolvidas ao longo da vida;

    • Deficiências severas de magnésio podem induzir o aumento da expressão de citocinas pró-inflamatórias, desencadeando efeitos altamente deletérios ao organismo;

    • É essencial para a manutenção do nível de outros nutrientes no organismo;

    • Ajuda a converter carboidratos, proteínas e gorduras em energia;

    • Exerce atividades regulatórias sobre o metabolismo do cálcio, potássio e sódio;

    • Está envolvido na síntese de Ácido Desoxirribonucleico (DNA);

    • Importante para função muscular normal;

    • Contribui para a saúde pulmonar;

    • Necessário para o crescimento dos dentes e ossos saudáveis;

    • Ajuda a manter níveis saudáveis de colesterol;

    • Participa do metabolismo energético;

    • Importante para a síntese proteica;

    • Contribui para a regulação da pressão arterial;

    • Ajuda a prevenir problemas cardíacos e diabetes;


    Essencial para centenas de reações químicas no corpo, o Magnésio é um dos íons mais abundantes dentro das células humanas. Funciona como uma coenzima para a função adequada dos nervos e músculos, formação óssea, metabolismo energético, influencia o perfil lipídico (gordura no sangue) e glicêmico (açúcar no sangue), participa do controle de íons e diversas outras funções bioquímicas.

    A deficiência de magnésio, denominada hipomagnesemia leve ou moderada é geralmente subclínica, ou seja, geralmente não desencadeia sintomas. Quando ocorrem, as manifestações são de impacto expressivo, como espasmos musculares, arritmia cardíaca e convulsões. Também interferem no funcionamento adequado do sistema nervoso central e podem aumentar o risco de desenvolvimento de depressão e outros transtornos de humor.

    Pesquisas de 1999-2000 e 1998-94 do Departamento de Saúde e Nutrição Nacional sugerem que os adultos mais velhos são mais propensos a apresentar carência de magnésio em relação a adultos mais jovens, uma vez que o envelhecimento costuma causar redução nos níveis de absorção e aumento da excreção renal.

    Estudos associam níveis elevados de magnésio a maior sobrevivência de pacientes submetidos à hemodiálise, melhora da capacidade de aprendizagem e funcionamento adequado do sistema imunológico.

    Considerando o grau de importância deste micronutriente é indispensável garantir seu consumo adequadamente para preservar as funções do organismos e manutenção da saúde de modo geral.

    Ácido Málico e seus benefícios:


    O ácido málico é um composto orgânico encontrado em frutas e legumes, sendo a maçã uma das principais fontes dessa substância. Esse composto apresenta uma série de benefícios, como ser capaz de conectar-se a substâncias potencialmente tóxicas e eliminá-las, tais como o chumbo e o alumínio. Entre outros benefícios estão:

    • Ajuda a manter a higiene oral, estimulando a produção de saliva e atuando também como antisséptico;

    • Ajuda a manter a pele saudável, mais jovem e mais firme;

    • Contribui para a redução de dores musculares;

    • Auxilia no aumento da energia e a resistência muscular;

    • Possui propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias.


     

    COENZIMA Q10



    • Ajuda a melhorar o funcionamento das células do corpo;

    • Atua como potente antioxidante;

    • Pode auxiliar no tratamento de desordens mitocondriais;

    • Colabora para a manutenção da saúde cardíaca e vascular;

    • Beneficia a saúde do fígado e dos rins;

    • Ajuda a regular os níveis de açúcar no sangue (glicose);

    • Ajuda a prevenir e atenuar a progressão de doenças neuromusculares e neurodegenerativas, como Parkinson e Alzheimer;

    • Ajuda a melhorar a qualidade do sêmen de homens inférteis;

    • Contribui para aliviar quadros de enxaqueca.


    A coenzima Q10, também conhecida como ubiquinona, é considerada uma pró vitamina e pode ser encontrada em todas as células do corpo humano, especificamente nas mitocôndrias, que são organelas responsáveis pela produção de ATP. Embora seja naturalmente produzida pelo próprio organismo, a coenzima Q10 também pode ser obtida através da dieta ou suplementação, o que ajuda a manter suas concentrações em níveis adequados.

    Uma de suas propriedades mais importantes está relacionada à capacidade de proteção antioxidante, A coenzima Q10 ajuda a neutralizar os radicais livres, que são moléculas altamente instáveis e reativas. A ação antioxidante é um mecanismo extremamente importante, uma vez que proporciona melhora da resistência do DNA aos danos causados pelo excesso de radicais livres, bem como tratamento de desordens mitocondriais, neuromusculares e degenerativas. Além disso, tem demonstrado resultados promissores como coadjuvante em tratamentos de doenças como Parkinson, Alzheimer, melhoria da qualidade do sêmem de homens inférteis e enxaquecas.

    Devido suas propriedades antioxidantes, previne a oxidação da Lipoproteína de Baixa Densidade LDL-c (colesterol ruim). Uma vez que a oxidação da fração LDL-c é um processo associado ao desenvolvimento de placas de ateroma, formando placas gordurosas na parede dos vasos sanguíneos, a prevenção deste processo é altamente benéfica para a saúde cardiovascular. Por estar relacionada ao bom funcionamento celular, sobretudo das células que exigem grande demanda energética, a manutenção de níveis adequados de coenzima Q10 ajuda a reduzir o risco de mortalidade por doenças cardiovasculares em idosos, pessoas com diabetes tipo II e doenças renais ou hepáticas crônicas.

    Para atletas, a suplementação pode ser uma estratégia muito vantajosa. Isso porque o exercício físico, por exigir maior consumo de oxigênio, induz o aumento de espécies reativas de oxigênio (ERO), que são elementos altamente reativos e desencadeadores de estresse oxidativo. O desequilíbrio entre a formação de radicais livres e as defesas antioxidantes, promove danos celulares e moleculares capazes de induzir o desenvolvimento de doenças crônicas não transmissíveis. A coenzima Q10, por sua vez, além de ativar a vitamina E, que também é um antioxidante potente, exerce efeito protetor e contribui para neutralizar estes efeitos e consequentemente, prevenir os prejuízos mencionados.

    EFEITOS POSITIVOS DA COENZIMA Q10


    Os efeitos positivos da Coenzima Q10 são diversos dentre os quais podemos citar:

    - MANUTENÇÃO DOS BATIMENTOS CARDÍACOS: Os movimentos de sístole e diástole permanecem constantes (considerando uma pessoa saudável) até certa idade. Depois disso, mesmo que o corpo produza a Coenzima Q10, as quantidades são baixas para fazer a manutenção de qualquer problema que possa se desenvolver no coração com a idade. Uma das funções desse nutriente é regular os batimentos. Seu uso constante pode melhorar o quadro de batimentos cardíacos, sendo necessário o uso de suplementos.

    - FERTILIDADE: Quanto mais avançada a idade de uma mulher, mais difícil fica para ela poder engravidar. Isso acontece porque os óvulos dependem de uma grande quantidade de energia para iniciar o processo de fecundação, uma vez que o espermatozoide libera seu conteúdo dentro do óvulo. Essa energia é produzida principalmente pelas mitocôndrias, mas a partir de determinada idade, elas já não produzem energia suficiente para isso. Cientistas acreditam que o consumo do nutriente poderia regular essas organelas e prover as células de mais energia. Assim, os estudos atuais estão mostrando que se as células tivessem mais energia, poderiam produzir óvulos com menos chance de desenvolver qualquer tipo de anomalia de natureza genética.

    - EMAGRECIMENTO SAUDÁVEL: A Coenzima Q10 contribui no processo de emagrecimento, já que é responsável por etapas no metabolismo que fazem a gordura ser queimada. Deve-se ressaltar que apenas o consumo do suplemento sem a prática de exercícios físicos e uma dieta equilibrada o efeito talvez não seja o desejado

    - DIMINUIÇÃO DO COLESTEROL: Nós temos dois tipos de colesterol, o bom e o ruim. O bom também é conhecido como HDL, e pode ser encontrado em alimentos como azeite, ovo, amêndoas, amendoim, sardinha, castanha e outras oleaginosas. Já o LDL é encontrado em todos os alimentos que fazem mal à saúde. O LDL é ruim para o organismo porque possui baixa densidade. Isso faz com que ele entupa as artérias do corpo. A Coenzima Q10 diminui as quantidades de LDL, mas não aumenta as quantidades de HDL.

    - EXCELENTE ANTIOXIDANTE: Como dito anteriormente, o corpo passa por diversos processos metabólicos, cujas reações resultam em produtos maléficos ao organismo. Um deles são os radicais livres. Por serem altamente reativos e instáveis, podem desenvolver doenças degenerativas e destruir as células do organismo. Vários fatores externos também podem colaborar para esse processo, como tomar muito sol sem proteção, se alimentar mal, fumar, etc. Nesse caso, a produção de radicais livres pode ser ainda maior e fica mais difícil para que o corpo una os radicais a outras moléculas para que sejam degradados. Nesse caso, a ajuda de um suplemento poderia ser a melhor estratégia para combater os radicais livres.

    - FORNECIMENTO DE ENERGIA: Além da produção de ATP, a Coenzima Q10 é responsável pela dilatação dos vasos sanguíneos. Isso faz com que o sangue flua melhor, e dessa maneira irrigue mais músculos com nutrientes e oxigênios. E, claro, levando mais moléculas de energia para mais músculos. Como a coenzima também produz ATP, o rendimento durante a prática de um exercício físico é muito maior.

    EFEITOS COLATERAIS DA COENZIMA Q10


    - Pessoas com sensibilidade a coenzima podem apresentar efeitos no organismo como dores musculares;

    - É proibida para hipoglicêmicos, pois o consumo de coenzima diminui as taxas de glicose no sangue;

    - Perda de apetite, enjoos e dores de cabeça também podem ser alguns dos efeitos colaterais para quem não é tolerante à coenzima. Redução de pressão arterial e pequenas feridas na pele também são alguns dos efeitos colaterais;

    - Em qualquer caso, gestantes não devem fazer o uso do suplemento, a não ser por ordem expressa de um médico. O que dificilmente aconteceria, porque ainda não há informações suficientes sobre o que o nutriente poderia fazer com o leite produzido para a amamentação. A melhor coisa a se fazer é não consumir o suplemento.

    - Como seu consumo pode reduzir a pressão arterial, é extremamente importante que qualquer pessoa que vá passar por uma cirurgia pare de tomar o suplemento com no mínimo 14 dias de antecedência.

    L-CARNITINA (ALC):


    O Acetil-L-carnitina pode oferecer uma esperança sem precedentes para pessoas que sofrem de Alzheimer ou estão em recuperação após um derrame. O cérebro humano é poderoso e complexo, mas por vezes é difícil para ele recuperar completamente quando afetado por derrames, danos cerebrais traumáticos ou demência associada à idade. Felizmente, estudos de pesquisa sugerem que o nutriente similar à vitamina L-carnitina pode conseguir desacelerar, ou mesmo reverter, a deterioração do cérebro. Além disso, pode dar às pessoas a capacidade de pensar com mais clareza e colaborar com a memória.

    D-RIBOSE - Fonte natural de energia


    Sabe aquela dor que você sente no dia seguinte após uma malhação intensa no dia anterior. Você sabia que isso pode significar que os níveis de energia do seu organismo estão baixos? Conheça a D-Ribose e descubra como repor suas energias de forma 100% natural.

    O que é a D-Ribose?


    A D-Ribose é um componente essencial na produção e restabelecimento natural dos níveis de energia no corpo humano. É um novo produto nutracêutico excelente para aumentar a disposição na prática de exercícios, melhorar o desempenho muscular, aumentar a energia e a sensação de bem-estar no pós-treino.

    Como a D-Ribose age no organismo?


    Esse poderoso suplemento energético contribui para a recuperação da energia nas células musculares durante e após os exercícios físicos intensos. A D-Ribose pode ser usada por esportistas que desejam atingir uma máxima performance e também por pessoas que sofrem de cansaço, indisposição e problemas cardíacos.

    Outra propriedade interessante da Ribose é aumentar os efeitos de outros suplementos energéticos, como a Creatina que é usada pelas células musculares para reciclar ADP em ATP e a L-Carnitina, que tem a função de acelerar o metabolismo. Mas, para potencializar os benefícios para atletas, é necessário que esses compostos sejam trabalhados em combinação.

    Principais Benefícios da D-ribose


    Para recuperar a energia empregada em treinos ou movimentos contínuos, o organismo precisa criar a ATP (adenosina trifosfato), substância central para a respiração celular e produção de energia. Sem ATP, a produção energética é muito menor, por isso é essencial o papel da D-Ribose para fornecer estímulo natural ao organismo na preservação e produção de energia. Veja seus principais benefícios:

    • Contribui para a produção de energia;

    • Ajuda a melhorar o desempenho muscular;

    • Aumenta a resistência física;

    • Ajuda a compensar os efeitos do envelhecimento;

    • Combate a fadiga e a exaustão;

    • Auxilia no combate de doenças cardíacas;

    • Aumenta a energia e sensação de bem-estar no pré e pós-treino;

    • Melhora a função do músculo cardíaco e o bombeamento de sangue.


     



     
  • Especificação

    Composição

    Composição1 dose = 3 Cápsulas

    Magnésio dimalato - 100mg
    coenzima q10 - 35mg
    L carnitina - 65mg
    D- Ribose - 135mg

    Modo de Usar

    RecomendaçõesRecomenda-se 3 cápsulas ao dia.


    ADVERTÊNCIA IMPORTANTE

    Gestantes, nutrizes (mulheres amamentando), menores de 12 anos e pessoas com problemas de saúde preexistentes devem buscar orientação de um profissional habilitado antes de consumir este produto.

    Em caso de hipersensibilidade a algum dos componentes da formulação, interromper o uso do produto e consultar o médico.

    Não ultrapassar a dose diária recomendada.

    Manter o produto fora do alcance de crianças.

    Armazenar em temperatura ambiente (15 a 30°C), protegido da luz, calor e umidade.

    Não consumir o produto fora do prazo de validade indicado na embalagem.

    Advertências

    AdvertênciasGestantes, nutrizes (mulheres amamentando) e pessoas com problemas de saúde preexistentes devem consultar o médico antes de consumir este produto.
O Quarteto Mágico é um produto que inclui Magnésio dimalato, coenzima q10, L-carnitina e D- Ribose. Trata-se de nutrientes extremamente importantes para a manutenção da saúde do corpo e da mente, auxiliam no aumento da resistência física, prevenção de doenças crônicas não transmissíveis, beneficiam a saúde cardiovascular e imunológica. Conheça melhor os beneficios!

O que é o Magnésio Dimalato (Magnésio + Ácido Málico)?


O Magnésio é um micronutriente essencial que participa de mais de 300 reações enzimáticas no organismo e apresenta papel chave na IMUNIDADE, e diversas funções biológicas. Está envolvido no metabolismo de lipídeos, ácidos nucléicos, carboidratos e proteínas e encontra-se presente nos rins, sistema nervoso central, fígado, tireóide, musculatura esquelética, lisa e cardíaca. Na forma de magnésio dimalato, por estar associado a um composto orgânico, sua absorção e aproveitamento pelo organismo são otimizados.

Importância do magnésio para a manutenção da saúde:

  • Está diretamente envolvido em respostas imunológicas inatas, com as quais o indivíduo já nasce;

  • Está diretamente envolvido em respostas imunológicas adaptativas, que são desenvolvidas ao longo da vida;

  • Deficiências severas de magnésio podem induzir o aumento da expressão de citocinas pró-inflamatórias, desencadeando efeitos altamente deletérios ao organismo;

  • É essencial para a manutenção do nível de outros nutrientes no organismo;

  • Ajuda a converter carboidratos, proteínas e gorduras em energia;

  • Exerce atividades regulatórias sobre o metabolismo do cálcio, potássio e sódio;

  • Está envolvido na síntese de Ácido Desoxirribonucleico (DNA);

  • Importante para função muscular normal;

  • Contribui para a saúde pulmonar;

  • Necessário para o crescimento dos dentes e ossos saudáveis;

  • Ajuda a manter níveis saudáveis de colesterol;

  • Participa do metabolismo energético;

  • Importante para a síntese proteica;

  • Contribui para a regulação da pressão arterial;

  • Ajuda a prevenir problemas cardíacos e diabetes;


Essencial para centenas de reações químicas no corpo, o Magnésio é um dos íons mais abundantes dentro das células humanas. Funciona como uma coenzima para a função adequada dos nervos e músculos, formação óssea, metabolismo energético, influencia o perfil lipídico (gordura no sangue) e glicêmico (açúcar no sangue), participa do controle de íons e diversas outras funções bioquímicas.

A deficiência de magnésio, denominada hipomagnesemia leve ou moderada é geralmente subclínica, ou seja, geralmente não desencadeia sintomas. Quando ocorrem, as manifestações são de impacto expressivo, como espasmos musculares, arritmia cardíaca e convulsões. Também interferem no funcionamento adequado do sistema nervoso central e podem aumentar o risco de desenvolvimento de depressão e outros transtornos de humor.

Pesquisas de 1999-2000 e 1998-94 do Departamento de Saúde e Nutrição Nacional sugerem que os adultos mais velhos são mais propensos a apresentar carência de magnésio em relação a adultos mais jovens, uma vez que o envelhecimento costuma causar redução nos níveis de absorção e aumento da excreção renal.

Estudos associam níveis elevados de magnésio a maior sobrevivência de pacientes submetidos à hemodiálise, melhora da capacidade de aprendizagem e funcionamento adequado do sistema imunológico.

Considerando o grau de importância deste micronutriente é indispensável garantir seu consumo adequadamente para preservar as funções do organismos e manutenção da saúde de modo geral.

Ácido Málico e seus benefícios:


O ácido málico é um composto orgânico encontrado em frutas e legumes, sendo a maçã uma das principais fontes dessa substância. Esse composto apresenta uma série de benefícios, como ser capaz de conectar-se a substâncias potencialmente tóxicas e eliminá-las, tais como o chumbo e o alumínio. Entre outros benefícios estão:

  • Ajuda a manter a higiene oral, estimulando a produção de saliva e atuando também como antisséptico;

  • Ajuda a manter a pele saudável, mais jovem e mais firme;

  • Contribui para a redução de dores musculares;

  • Auxilia no aumento da energia e a resistência muscular;

  • Possui propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias.


 

COENZIMA Q10



  • Ajuda a melhorar o funcionamento das células do corpo;

  • Atua como potente antioxidante;

  • Pode auxiliar no tratamento de desordens mitocondriais;

  • Colabora para a manutenção da saúde cardíaca e vascular;

  • Beneficia a saúde do fígado e dos rins;

  • Ajuda a regular os níveis de açúcar no sangue (glicose);

  • Ajuda a prevenir e atenuar a progressão de doenças neuromusculares e neurodegenerativas, como Parkinson e Alzheimer;

  • Ajuda a melhorar a qualidade do sêmen de homens inférteis;

  • Contribui para aliviar quadros de enxaqueca.


A coenzima Q10, também conhecida como ubiquinona, é considerada uma pró vitamina e pode ser encontrada em todas as células do corpo humano, especificamente nas mitocôndrias, que são organelas responsáveis pela produção de ATP. Embora seja naturalmente produzida pelo próprio organismo, a coenzima Q10 também pode ser obtida através da dieta ou suplementação, o que ajuda a manter suas concentrações em níveis adequados.

Uma de suas propriedades mais importantes está relacionada à capacidade de proteção antioxidante, A coenzima Q10 ajuda a neutralizar os radicais livres, que são moléculas altamente instáveis e reativas. A ação antioxidante é um mecanismo extremamente importante, uma vez que proporciona melhora da resistência do DNA aos danos causados pelo excesso de radicais livres, bem como tratamento de desordens mitocondriais, neuromusculares e degenerativas. Além disso, tem demonstrado resultados promissores como coadjuvante em tratamentos de doenças como Parkinson, Alzheimer, melhoria da qualidade do sêmem de homens inférteis e enxaquecas.

Devido suas propriedades antioxidantes, previne a oxidação da Lipoproteína de Baixa Densidade LDL-c (colesterol ruim). Uma vez que a oxidação da fração LDL-c é um processo associado ao desenvolvimento de placas de ateroma, formando placas gordurosas na parede dos vasos sanguíneos, a prevenção deste processo é altamente benéfica para a saúde cardiovascular. Por estar relacionada ao bom funcionamento celular, sobretudo das células que exigem grande demanda energética, a manutenção de níveis adequados de coenzima Q10 ajuda a reduzir o risco de mortalidade por doenças cardiovasculares em idosos, pessoas com diabetes tipo II e doenças renais ou hepáticas crônicas.

Para atletas, a suplementação pode ser uma estratégia muito vantajosa. Isso porque o exercício físico, por exigir maior consumo de oxigênio, induz o aumento de espécies reativas de oxigênio (ERO), que são elementos altamente reativos e desencadeadores de estresse oxidativo. O desequilíbrio entre a formação de radicais livres e as defesas antioxidantes, promove danos celulares e moleculares capazes de induzir o desenvolvimento de doenças crônicas não transmissíveis. A coenzima Q10, por sua vez, além de ativar a vitamina E, que também é um antioxidante potente, exerce efeito protetor e contribui para neutralizar estes efeitos e consequentemente, prevenir os prejuízos mencionados.

EFEITOS POSITIVOS DA COENZIMA Q10


Os efeitos positivos da Coenzima Q10 são diversos dentre os quais podemos citar:

- MANUTENÇÃO DOS BATIMENTOS CARDÍACOS: Os movimentos de sístole e diástole permanecem constantes (considerando uma pessoa saudável) até certa idade. Depois disso, mesmo que o corpo produza a Coenzima Q10, as quantidades são baixas para fazer a manutenção de qualquer problema que possa se desenvolver no coração com a idade. Uma das funções desse nutriente é regular os batimentos. Seu uso constante pode melhorar o quadro de batimentos cardíacos, sendo necessário o uso de suplementos.

- FERTILIDADE: Quanto mais avançada a idade de uma mulher, mais difícil fica para ela poder engravidar. Isso acontece porque os óvulos dependem de uma grande quantidade de energia para iniciar o processo de fecundação, uma vez que o espermatozoide libera seu conteúdo dentro do óvulo. Essa energia é produzida principalmente pelas mitocôndrias, mas a partir de determinada idade, elas já não produzem energia suficiente para isso. Cientistas acreditam que o consumo do nutriente poderia regular essas organelas e prover as células de mais energia. Assim, os estudos atuais estão mostrando que se as células tivessem mais energia, poderiam produzir óvulos com menos chance de desenvolver qualquer tipo de anomalia de natureza genética.

- EMAGRECIMENTO SAUDÁVEL: A Coenzima Q10 contribui no processo de emagrecimento, já que é responsável por etapas no metabolismo que fazem a gordura ser queimada. Deve-se ressaltar que apenas o consumo do suplemento sem a prática de exercícios físicos e uma dieta equilibrada o efeito talvez não seja o desejado

- DIMINUIÇÃO DO COLESTEROL: Nós temos dois tipos de colesterol, o bom e o ruim. O bom também é conhecido como HDL, e pode ser encontrado em alimentos como azeite, ovo, amêndoas, amendoim, sardinha, castanha e outras oleaginosas. Já o LDL é encontrado em todos os alimentos que fazem mal à saúde. O LDL é ruim para o organismo porque possui baixa densidade. Isso faz com que ele entupa as artérias do corpo. A Coenzima Q10 diminui as quantidades de LDL, mas não aumenta as quantidades de HDL.

- EXCELENTE ANTIOXIDANTE: Como dito anteriormente, o corpo passa por diversos processos metabólicos, cujas reações resultam em produtos maléficos ao organismo. Um deles são os radicais livres. Por serem altamente reativos e instáveis, podem desenvolver doenças degenerativas e destruir as células do organismo. Vários fatores externos também podem colaborar para esse processo, como tomar muito sol sem proteção, se alimentar mal, fumar, etc. Nesse caso, a produção de radicais livres pode ser ainda maior e fica mais difícil para que o corpo una os radicais a outras moléculas para que sejam degradados. Nesse caso, a ajuda de um suplemento poderia ser a melhor estratégia para combater os radicais livres.

- FORNECIMENTO DE ENERGIA: Além da produção de ATP, a Coenzima Q10 é responsável pela dilatação dos vasos sanguíneos. Isso faz com que o sangue flua melhor, e dessa maneira irrigue mais músculos com nutrientes e oxigênios. E, claro, levando mais moléculas de energia para mais músculos. Como a coenzima também produz ATP, o rendimento durante a prática de um exercício físico é muito maior.

EFEITOS COLATERAIS DA COENZIMA Q10


- Pessoas com sensibilidade a coenzima podem apresentar efeitos no organismo como dores musculares;

- É proibida para hipoglicêmicos, pois o consumo de coenzima diminui as taxas de glicose no sangue;

- Perda de apetite, enjoos e dores de cabeça também podem ser alguns dos efeitos colaterais para quem não é tolerante à coenzima. Redução de pressão arterial e pequenas feridas na pele também são alguns dos efeitos colaterais;

- Em qualquer caso, gestantes não devem fazer o uso do suplemento, a não ser por ordem expressa de um médico. O que dificilmente aconteceria, porque ainda não há informações suficientes sobre o que o nutriente poderia fazer com o leite produzido para a amamentação. A melhor coisa a se fazer é não consumir o suplemento.

- Como seu consumo pode reduzir a pressão arterial, é extremamente importante que qualquer pessoa que vá passar por uma cirurgia pare de tomar o suplemento com no mínimo 14 dias de antecedência.

L-CARNITINA (ALC):


O Acetil-L-carnitina pode oferecer uma esperança sem precedentes para pessoas que sofrem de Alzheimer ou estão em recuperação após um derrame. O cérebro humano é poderoso e complexo, mas por vezes é difícil para ele recuperar completamente quando afetado por derrames, danos cerebrais traumáticos ou demência associada à idade. Felizmente, estudos de pesquisa sugerem que o nutriente similar à vitamina L-carnitina pode conseguir desacelerar, ou mesmo reverter, a deterioração do cérebro. Além disso, pode dar às pessoas a capacidade de pensar com mais clareza e colaborar com a memória.

D-RIBOSE - Fonte natural de energia


Sabe aquela dor que você sente no dia seguinte após uma malhação intensa no dia anterior. Você sabia que isso pode significar que os níveis de energia do seu organismo estão baixos? Conheça a D-Ribose e descubra como repor suas energias de forma 100% natural.

O que é a D-Ribose?


A D-Ribose é um componente essencial na produção e restabelecimento natural dos níveis de energia no corpo humano. É um novo produto nutracêutico excelente para aumentar a disposição na prática de exercícios, melhorar o desempenho muscular, aumentar a energia e a sensação de bem-estar no pós-treino.

Como a D-Ribose age no organismo?


Esse poderoso suplemento energético contribui para a recuperação da energia nas células musculares durante e após os exercícios físicos intensos. A D-Ribose pode ser usada por esportistas que desejam atingir uma máxima performance e também por pessoas que sofrem de cansaço, indisposição e problemas cardíacos.

Outra propriedade interessante da Ribose é aumentar os efeitos de outros suplementos energéticos, como a Creatina que é usada pelas células musculares para reciclar ADP em ATP e a L-Carnitina, que tem a função de acelerar o metabolismo. Mas, para potencializar os benefícios para atletas, é necessário que esses compostos sejam trabalhados em combinação.

Principais Benefícios da D-ribose


Para recuperar a energia empregada em treinos ou movimentos contínuos, o organismo precisa criar a ATP (adenosina trifosfato), substância central para a respiração celular e produção de energia. Sem ATP, a produção energética é muito menor, por isso é essencial o papel da D-Ribose para fornecer estímulo natural ao organismo na preservação e produção de energia. Veja seus principais benefícios:

  • Contribui para a produção de energia;

  • Ajuda a melhorar o desempenho muscular;

  • Aumenta a resistência física;

  • Ajuda a compensar os efeitos do envelhecimento;

  • Combate a fadiga e a exaustão;

  • Auxilia no combate de doenças cardíacas;

  • Aumenta a energia e sensação de bem-estar no pré e pós-treino;

  • Melhora a função do músculo cardíaco e o bombeamento de sangue.


 



 

Composição

Composição1 dose = 3 Cápsulas

Magnésio dimalato - 100mg
coenzima q10 - 35mg
L carnitina - 65mg
D- Ribose - 135mg

Modo de Usar

RecomendaçõesRecomenda-se 3 cápsulas ao dia.


ADVERTÊNCIA IMPORTANTE

Gestantes, nutrizes (mulheres amamentando), menores de 12 anos e pessoas com problemas de saúde preexistentes devem buscar orientação de um profissional habilitado antes de consumir este produto.

Em caso de hipersensibilidade a algum dos componentes da formulação, interromper o uso do produto e consultar o médico.

Não ultrapassar a dose diária recomendada.

Manter o produto fora do alcance de crianças.

Armazenar em temperatura ambiente (15 a 30°C), protegido da luz, calor e umidade.

Não consumir o produto fora do prazo de validade indicado na embalagem.

Advertências

AdvertênciasGestantes, nutrizes (mulheres amamentando) e pessoas com problemas de saúde preexistentes devem consultar o médico antes de consumir este produto.

Avaliações dos consumidores

De: R$ 98,83Por: R$ 94,90ou X de

Economia de R$ 3,93

Comprar